Cecília Vilas Boas

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

renascer...


É nesta serenidade que as sombras se diluem
a natureza é livre e harmoniosa
os pássaros são sabedores
por isso permanecem no coração do oceano
as pedras descansam, húmidas, silenciosas
o tempo de ser feliz aduba-se aqui
todas as viagens são possíveis neste estado de ser
todos os ventos, todas as palavras, todos os sentires
como se todo o respirar fosse virgem
numa simbiose perfeita entre a natureza e o som quieto que dela emana

Não há resistência, só contemplação.


Cecília Vilas Boas
(a publicar)


 
foto CVB