Cecília Vilas Boas

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

um dia, em qualquer tempo...




Se o tempo fosse o vento
Ou se o vento fosse o mar
Os meus olhos encontrariam os teus
Na encruzilhada das marés

Se as madrugadas fossem o renascer
E o renascer fosse a vida
As tuas mãos seriam o meu aconchego
Ao raiar do dia

E se a dor fosse a cura
E a cura a paixão
O teu corpo seria o meu templo
Nas escarpas do desassossego

Ou se as palavras fossem mansas
E a mansidão fosse a voz
O teu sorriso seria a minha luz
Nas trevas da noite

Mas o tempo não é o vento
As madrugadas não são o renascer
A dor não é a cura
E as palavras não são mansas

Um dia, em qualquer tempo,
Mesmo que já sem tempo
Entenderás que a brisa morna me aquieta

Um dia, em qualquer tempo
Mesmo que já sem tempo…


Cecília Vilas Boas

23 comentários:

  1. Nas trevas da noite ao sonho do encontro das almas, sobre amaré iluminada pela lua! Brilhante! abraços

    ResponderEliminar
  2. Bom dia Cecília
    Soberbo poetar. E nas curvas do tempo a esperança da realização dos sonhos.
    Um dia feliz e colorido pra você
    Beijos

    ResponderEliminar
  3. Buenos días Cecilia, un lindo poema, me encantó esta estrofa «Pero el tiempo no es el viento
    Las mañanas no renacen
    El dolor no es una cura
    Y las palabras no se domestican »
    Gracias
    Te dejo un beso de ternura.
    Sor.Cecilia

    ResponderEliminar
  4. Querida Cecilia
    Sempre as condicionantes nas nossas vidas!
    Magnifico poema, que mostra as nossas divagaçoes existenciais!...
    Muitos parabens.
    Beijinho
    Beatriz

    ResponderEliminar
  5. un canto donde los deseos se apropian de los versos
    bien logrado
    saludos

    ResponderEliminar
  6. EL TIEMPO SIEMPRE SERÁ INFINITO Y NOSOTROS TAMBIÉN.
    BESOS

    ResponderEliminar
  7. Sua poesia sempre me emociona, Cecília.
    Belíssima!
    Beijos e meu carinho.

    :)

    ResponderEliminar
  8. Que a maré traga as melhores ondas e que a brisa entregue doces aromas...

    Beijos.

    ResponderEliminar
  9. Tantos são os ventos
    que já nem sei do tempo

    ResponderEliminar
  10. Maravilhosas palavras Cecília! Gostei imenso, acho que um dos melhores poemas de tua autoria!
    Bj e boa semana!

    ResponderEliminar
  11. Se as palavras fossem com o vento não podíamos ler, aqui, este belo poema.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  12. OLA QUERIDA
    Pelas conquistas, lutas, perseverança, trabalho e principalmente o ... a humanidade, você sexo frágil mas de inteligência grande.Feliz Dia da Mulher um bj

    ResponderEliminar
  13. É na liberdade de ritmos que domesticas a palavra.
    E eu passo a apanhar a brisa!
    Beijo.

    ResponderEliminar
  14. Minha querida

    Tivesse o tempo mais tempo e as madrugadas serem um raio de luz a invadir o nosso corpo...e o tempo seria sempre tempo.
    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  15. Os Sonhos são as rotas da Vida.
    Se soubermos seguir pelo caminho, sem atalhos, certamente encontraremos a sua realização "[...] em qualquer tempo
    Mesmo que já sem tempo…"
    Belo, como sempre.


    Beijos


    SOL


    ResponderEliminar
  16. O tempo afaga os sonhos, em outras vezes arranha, mas viverá sempre o perfume da brisa antiga.
    A poesia permanece em ti com toda a imensidão do mar.
    Lindo.!!
    bjs.

    ResponderEliminar
  17. O tempo que o tempo tem...e o tempo que gostaríamos de ter....e o tempo que não soubemos aproveitar e, quando dermos por ele...já não haverá tempo.
    Gostei do poema...bastante oertinente.
    Bj e uma boa semana.
    Graça

    ResponderEliminar
  18. Olá Cecília
    Tantos "ses"... tanto "tempo sem tempo"... é assim nossa vida. Você colocou nas palavras tão bem.

    Um bjo

    ResponderEliminar
  19. Hola Cecilia,,te mando un saludo desde Murcia...como siempre todo muy bueno....

    ResponderEliminar
  20. Minha querida Cecília

    Hoje passando para desejar uma Feliz Páscoa , plena de amor e paz, junto de todos que te são queridos.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  21. A tua poesia é magnífica. E este poema é excelente.
    Devias publicar mais vezes...
    Cecília, querida amiga, espero que a tua Páscoa tenha sido muito boa.
    Uma óptima semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  22. Com muito carinho mesmo atrasada
    venho te deixar um abraço pelo dia das mães.
    Uma abençoada semana beijos meus.
    Evanir.

    ResponderEliminar